Apá, tenhe andade munte parrade porr estas bandas, mas munta trrabalhe tenhe tide. Intão agorra com a histórria das eleições nem vus conte. É que como sabem cu Charroque é conhecide aqui de Setúbal querriam queu parrtcipasse em tudo quanto erra cena politica de rua, como agorram todes chamem d’arruada. Essa palavrra até tem a sua grraça, eu cá da minha manêrra de verr chamava-lhe passeie p’la baixa, ma não, politico faz é arruada.  Politico não faz merda, faz é asneirada. É bnite sim senhorr. Atão um dia tava ali da lota nã entrra o Paulo Porrtas à minha perrgunta? Cóme ele só fala de segurrança, pensou, o Charroque tá semprre em grrandes caldeirradas e tá semprre porr cima da jogada, já me devia querrerr prra comandarr alguma forrça de interrvenção. Erra o homem de narriz empinade lá da lota a verr se me via. Apá, peguei dum polve meti da cabeça, enfiei a boina e cigarro na boca e sai a cantar “No women no crry”, deixem passar o Bob Marrley…safê-me bem.
Depois, noutrre dia tinha o Frrancisque Louçã à perrna…ia ali a passarr dos Combatentes, tava plantade um murre, diziam eles querra da verrgonha. Nã querrem os prrédios plantades à beirra marr, ê cá sei o que eles querrem plantade…grrandes pés de marrijuana e muita tenda por aquela zona ribeirrinha aforra. Ma tava eu a dizerr que o Frrancisco Louçã viu-me vei logo dirreito a mim, mas olha fiz que tava com uma ganda moca e revirrei o olhinhes todes e sai dali ós grrites.
Lá dus lades da CDU, a Marria Dorres e os camarradas todes querrem é tarr perrte das populações e o pove unide jamais serrá vencide, etecetrra e tal…. Sabem quê sou du pove e arraste multidões, forram-me acorrdar à Marrgarrida du Sade. Ainda tava tode arremelgade e perrguntei “Porr acase nã vêem unirrse a mim e apanharr o pêxe comigue?” Virrarrem logue as costas…
Já o Jorrge Santana do PSD numa dessas tais arruadas ali da Prraça du Becage, táva eu a bberr um cafézinhe quande veie aquela gente toda! Diz logue um “olha o Charroque da Prrofundurra!”, “Apá Jorrge vai falarr com ele.” Dzia mele “Charroque, atão tu nã vais vetarr pela mudança?” e ê cá disse logue “ê cá só perrcebe de dois tipes de mudanças, a do mê fiat 127 que só à mocada é que passa e mudanças de casa que tão munta carras!”
A cena do PS foi a mais marrada porque ê cá pensava que havia 3 Terresas Almeidas, os carrtazes que tão pela cidade comprrovam-no. Eu ia a passarr ali pelo Inatel quando vejo aquela marralha toda a irr prró jantarr, a Arrquitecta veie terr comigue e disse “Atão ilustrre figurra nã nos acompanha?” e eu “Coisa estrranha, atão e as suas irrmãs trrigémeas? Nã vão jantarr? Nã dá prra todes? Ê cá tenho munte trrabalhinhe pla frrente e nã há politique que me desdeixe da mão…”

Ah pois é, nã tem side fácil andarr pla cidade, mas agorra a poêrra já acentou mais um bcadinhe e já voltou tudo à norrmalidade.

 

You may also like

2 Response Comments

  • Ti Coelha  Outubro 21, 2009 at 1:53 pm

    ah pá sóce! atão é porr aí que tens andade? a fugirr aos candidates?? Gostê do t~e disfarrce de Bob Marley! Devias tarr linde tu! Vê lá se não desaparreces mais assim, sóce, já pensava que tu e a Marrgarrida tinhem safogade prráí…

     
    Responder
  • Kumekei  Outubro 21, 2009 at 2:04 pm

    E ê que pensava que tinhem aprrovetade o charroque pa fazer calderrada.

    Afinal ainda anda cá dos bloges.

     
    Responder

Leave A Comment

Please enter your name. Please enter an valid email address. Please enter a message.

Facebook

Parriga ou sóce, querres receberr todas as novidádes frresquinhas do
Charroque da Prrofundurra?

Subscrreve e recebe tudo!
Caganda Pinta!
Muito obrrigádo.

Fechárr
Parriga ou sóce, querres receberr todas as novidádes frresquinhas do
Charroque da Prrofundurra?

Subscrreve e recebe tudo!
Caganda Pinta!
Muito obrrigádo.

Fechárr